domingo, dezembro 18, 2005


Difundiu o som,
Amplificaram horizontes:
Ouvindo, sentindo…
Prosperou o além,
A motivação ecoou factualmente
Encaminhou o sentir pela perpetuidade
Aliciado por essa áurea mística.

Concretizou-se a sedução,
Os contemplares em vão
O caminho tornou-se translúcido
E a natureza completou-se:
Despedaçando veracidades fracassadas,
Evacuando notícias amarguradas
Dissolvidas com a grandeza do coração.

Os sentires incendiaram,
A dissimulação era inconcebível
Mesmo quando obstáculos despontavam
Cultivando a distância,
Glorificando a ignorância
De camuflar o que a alma sente
Que contamina a razão, provisoriamente…

Triviais foram os procedimentos
Invulgares, os sentimentos
Catalizados pela emoção
Tão intrinsecamente impregnada
Obscuramente exteriorizada
Divulgando a congregação
De duas vidas destinadas!

3 comentários:

JSilvio disse...

hummm
a menina anda inspirada...
palavras caras...
mas..ta bonito
jokas ;)

Cláudia Nóbrega disse...

O último livro que li foi o dicionário, então decidi fazer uma aplicação da minha leitura!
Nunca substimes o valor de um dicionário!!! lol

JSilvio disse...

=)
é uma ideia...
vou ver se dou uma vista de olhos nele :P

já agora.. FELIZ NATAL =)*